Geral

Bombeiros de MT registram salvamentos de famílias inteiras no RS

Equipes do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso que se deslocaram para cidade de Pelotas, no Rio Grande do Sul, já acumularam nos ultimos dias salvamentos de famílias inteiras, ilhadas pela força da chuva.

Na madrugada deste sábado (11), os bombeiros participaram do resgate de um cão machucado e fizeram buscas por pessoas desaparecidas. Na sexta (10), regastaram uma família de sete pessoas, incluindo uma mãe no puerpério e um bebê de 20 dias. As buscas continuam.

Vídeos mostram as ações e, em um deles, os bombeiros andam entre mata, galhos e rios que se formaram dentro da paisagem urbana junto com a labradora Maya, treinada para atuar em situações de desastres e certificada pelo Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil (Ligabom).

Ela atuou, inclusive, na enchente que atingiu o Rio Grande do Sul em setembro de 2023. Em outro vídeo, os profissionais fazem o resgate de um cachorro ferido e dão os primeiros socorros.

Leia Também:  Jovem é morta a mando de facção em MT e corpo é despedaçado

Sobre a familia de sete pessoas que foi resgatada, as vitimas estavam com receio de deixar o local porque a mãe do bebê ainda se recupera da cirurgia cesariana.

Um vídeo registrou o momento. Segundo o Corpo de Bombeiros, o resgate foi planejado para garantir que a mãe e recém-nascido não tivessem contato com a água contaminada.

O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) de Mato Grosso também está se deslocando de Porto Alegre para Pelotas, para auxiliar nos trabalhos.

Tragédia

O Rio Grande do Sul chegou ao número de 136 mortos, neste sábado (11), segundo a Defesa Civil. Há ainda 125 desaparecidos e 756 feridos. O estado ainda registra 441,3 mil pessoas fora de casa. Desse total, são 71,3 mil pessoas em abrigos e 339,9 mil pessoas desalojadas.