Administação Pública

Parlamentar indica criação de programa de acompanhamento psicológico contínuo para gestantes e puérperas

Durante a 16ª Sessão Ordinária da Câmara de Sorriso, o vereador Leandro Damiani (PSDB) solicitou a criação de um programa de acompanhamento psicológico contínuo para gestantes, parturientes e puérperas quando detectadas síndromes ou má formação congênita do feto. A Indicação nº 425/24 foi lida nesta segunda-feira (20) e será encaminhada para análise do Executivo Municipal.

De acordo com o parlamentar, é necessário que haja um programa dedicado a ações de conscientização, incentivo ao cuidado e promoção da saúde mental das mulheres. “Quando descoberta alguma má-formação congênita fetal, ou alguma síndrome, a gestante fica em estado de ansiedade, medo, intensificado pelas dúvidas, incertezas e inseguranças relacionadas ao que irá acontecer com ela e com o seu filho. A experiência materna se torna mais desafiadora pela fragilidade emocional que a mãe se encontra e muitas, sem saber como lidar com a situação, chegam a entrar em depressão”, explica o parlamentar.

Segundo Damiani, a indicação se faz necessária pois, “diante das incertezas, inseguranças e desafios que as gestantes irão enfrentar relacionadas ao que irá acontecer com ela e com o seu filho, é preciso promover um suporte psicológico adequado por parte da rede de saúde pública municipal, de forma que esta possa receber nesse percurso, atendimento contínuo”.

Tags

Texto: Bianca Arruda